[] Post - Relase - Talento Florestal
November 26, 2020 Notícias Nenhum Comentário

Programa digital, social e multicultural apresentou possiblidades de carreira profissional e integrou estudantes de diferentes universidades para um desafio intenso.

Depois de três dias intensos foi anunciada a equipe vencedora do programa Talento Florestal 2020. O grupo formado por: Ana Clara da Costa (ESALQ/USP), Camila Leite Santos (UFLA), Mariele Reisdörfer Schorr (UFPR), e Murilo Rosa Frederico (UDESC), atingiu a pontuação de 9,86 e ficou em primeiro lugar.

O desafio proposto foi montar um planejamento para uma empresa fictícia, a SteelPaper S/A, fornecedora de madeira para a produção de papel e celulose e carvão vegetal. Além de levar em conta todas as condicionantes, os estudantes tiveram que preparar um vídeo educativo, com práticas de prevenção para a Covid-19, que teria os colaboradores da SteelPaper como público-alvo.

A dificuldade extra, encontrada pelos participantes do Talento Florestal este ano, foi que o programa aconteceu de forma totalmente online. A interação aconteceu a distância, com cada integrante em sua cidade. “Trabalhamos juntos e com harmonia. Um escutando o outro, desde o início até o final”, conta Murilo Rosa Frederico, aluno de engenharia florestal da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) e integrante do grupo vencedor.

“Não consigo nem explicar. Estou tão feliz e grata. É tanto sentimento junto que eu não sei como expressar”, disse Camila Leite Santos, da Universidade Federal de Lavras (UFLA), ao receber o anúncio sobre a conquista. O sentimento dela foi parecido com o de sua companheira de grupo, Ana Clara da Costa (ESALQ/USP). “Estou muito feliz e só tenho a agradecer por esta oportunidade. Foi incrível”, disse.

Um fator que contribui para a definição do resultado foi o engajamento que cada equipe alcançaria nas redes sociais, já que o desafio era online. Um post foi criado para cada grupo, e este deveria receber o máximo de interações possíveis. O grupo vencedor, apesar de ter obtido nota técnica 0,01 menor que a do grupo terceiro colocado (que obteve a maior nota técnica), conquistou um ponto extra, o que foi decisivo para vencer o desafio. “Eu não esperava este resultado de engajamento nas redes sociais. A galera ajudou demais”, comemora Mariele Schorr, da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Participaram do programa 113 estudantes de engenharia florestal de 28 cursos de todo o Brasil. Dentro da programação, gestores de empresas que atuam no setor florestal falaram sobre as possibilidades de carreira profissional. E as empresas participantes do programa Talento Florestal apresentaram programas de estágio.

Além da Malinovski, as empresas e instituições que acreditam no potencial do setor florestal em nosso país e patrocinaram esta edição do Talento Florestal foram: Aperam, Klabin, Bayer, Duratex, Komatsu, Abimci, Ponsse e Suzano.

“O programa Talento Florestal tem uma veia digital, social e multicultural e foi desenhado para unir e difundir o ensino de base florestal no Brasil. Queremos que cada vez mais pessoas talentosas se interessem pela profissão e que o Talento Florestal seja uma ferramenta catalisadora e potencializadora deste interesse. Essa é uma das nossas maneiras de contribuir para o desenvolvimento do setor florestal em nosso país”, diz Ricardo Malinovski, CEO da Malinovski.

A programação completa do primeiro e terceiro dia do Talento Florestal foi transmitida ao vivo em plataforma aberta pelo canal da Malinovski no YouTube (MalinovskiOficial) e permanece disponível para acesso.

 

Foto: Ricardo Malinovski, CEO da Malinovski e os integrantes da equipe vencedora do Talento Florestal 2020: Ana Clara da Costa (ESALQ/USP), Camila Leite Santos (UFLA), Mariele Reisdörfer Schorr (UFPR), e Murilo Rosa Frederico (UDESC).

Escrito por Malinovski