Desde 2010, o conhecimento técnico e a raiz florestal dos profissionais da Malinovski auxiliam os clientes a agregar valor aos seus produtos e serviços, reduzindo custos e aumentando a produtividade através de consultoria especializada.

Em 2020, a Malinovski passou por uma reestruturação de seus negócios, buscando a inovação para a unidade Intelligence. Unidade de negócio focada em serviços de consultoria e inovação para empresas de base florestal. Esta unidade conta com consultores que atendem empresas florestais e da indústria da madeira nacional e internacionalmente. Este hub está dividido em duas grandes esferas: Malinovski Consultoria e Malinovski Innovation.

Malinovski Consultoria:  missão desta unidade é analisar os processos e sistemas; as tecnologias; os mercados e seus movimentos; o capital humano e seus aspectos culturais; buscando a disruptura dos padrões atuais, trazendo o que há de mais novo no mercado para que os clientes maximizem o retorno dos seus investimentos.

Malinovski Innovation: atua na prestação de serviços tecnológicos focados nas áreas operacionais de estradas, silvicultura, colheita e transporte. Para isso, foram firmadas parcerias estratégicas com empresas de tecnologias que apresentam soluções inovadoras para os clientes do setor florestal.

Na Malinovski, as empresas encontram o suporte adequado para as suas necessidades técnicas e estratégicas, pois nossa equipe multidisciplinar, formada por engenheiros, administradores e comunicadores, tem a habilidade de compreendê-las e propor soluções para resultados efetivos.

 

img

Malinovski Consultoria

A unidade Consultoria atua nos seguintes segmentos:

  • Auditoria;
  • Ambiental;
  • Gestão Florestal;
  • Estudos de Mercado;
  • Consultoria para a Indústria da Madeira.

 

Auditoria de qualidade de operações florestais;

Auditoria de processos de operações florestais;

Auditoria de prestação de serviços florestais terceirizados;

Due Diligence.

Licenciamento ambiental;

Compensação ambiental;

Regularização fundiária;

Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas (PRAD/PRADA).

GERENCIAMENTO FLORESTAL

Gestão de operações;

Gestão de pessoas e equipe.

GEOPROCESSAMENTO

Estruturação e padronização de base geo;

Georreferenciamento de imóveis rurais;

Sensoriamento remoto.

REVISÕES E MELHORIA DE PROCESSOS

Desenvolvimento e validação de listas técnicas/procedimentos para operações florestais;

Revisão e validação de processos de operações florestais;

Análise de produtividade de operações florestais;

Revisão de operações e sugestão de implantação de novas práticas/tecnologias – Projeto de Silvicultura de Excelência;

Análises técnicas e econômicas de processos.

PLANEJAMENTO

Planejamento e assessoria de implantação de florestas;

Orientação na condução de florestas plantadas para pequenas e médias propriedades;

Planejamento de viveiros florestais;

Modelagens e prognoses da produção florestal;

Inventário florestal (convencional ou remoto);

Planejamento das atividades de silvicultura;

Planejamento de colheita de madeira;

Simulação de viabilidade econômica para auxílio na tomada de decisão em operações florestais (transporte e colheita).

ESTRADAS

Diagnóstico quantitativo e qualitativo de estradas florestais;

Desenvolvimento de manuais técnicos de procedimentos de construção e manutenção de estradas florestais;

Macro e microplanejamento de estradas florestais;

Planejamento de novas estradas florestais;

Planejamento de readequação da malha viária;

Elaboração de Plano Diretor Viário;

Análise de intensidade de tráfego;

Análise de densidade de estradas de uso florestal;

Definição da qualidade de estradas florestais;

Modelo de otimização de custos operacionais de estradas;

Desenvolvimento de listas técnicas de estradas florestais;

Análise de rendimento e custos de construção e manutenção de estradas florestais.

Benchmarking em operações florestais (Viveiros, Silvicultura, Colheita e Transporte);

Estudo de viabilidade econômica de projetos florestais.

Em função da grande rede de contatos da Malinovski, podemos desenvolver estudos de mercado específicos de máquinas, equipamentos e tecnologias que possam ser utilizadas na cadeia produtiva florestal e da indústria da madeira.

Métodos e tecnologias de secagem da madeira;

Práticas em preservação da madeira;

Análise de rendimento de serrarias e laminadoras;

Análise de rendimento de caldeiras.

 

Malinovski Innovation

A unidade Innovation oferece serviços de alta tecnologia por meio de empresas de inovação. Os serviços são divididos em cinco frentes:

  • Estradas | Forest Road Planning;
  • Produtividade Florestal | GPT – Gestão da Produtividade Florestal;
  • Colheita;
  • Silvicultura;
  • Transporte.

img

 

 

Plataforma para planejamento de estradas florestais integrado ao plano diretor viário.

EMPRESA PARCEIRA:

Optimus GIS.

O QUE A PLATAFORMA FAZ:

– Simulação de cenários para analisar as melhores decisões em relação aos seguintes pontos: densidade de estradas, distância de extração, plano anual de colheita, áreas com restrições operacionais, percentual de estradas cascalhadas, definição de melhores rotas, entre outros;

– Apresentação de resultados em dashboards interativos para análise e gestão dos melhores cenários para o seu negócio.

PRODUTOS ENTREGÁVEIS DO PLANO DIRETOR VIÁRIO:

– Matriz de risco;

– Intensidade de tráfego;

– Definição da qualidade de estradas;

– Cronograma físico/financeiro;

– Memorial descrito;

– Novo layout.

OPORTUNIDADES DE GANHOS:

– Redução de custos;

– Planejamento assertivo;

– Readequação da malha viária.

OBTENÇÃO DE INFORMAÇÕES:

– Levantamento da qualidade de estradas utilizando Vants.

Plataforma integrada para gestão da produtividade florestal – GPT.

EMPRESA PARCEIRA:

Geplant Tecnologia Florestal.

O QUE A PLATAFORMA FAZ:

GPT é uma plataforma integrada que auxilia investidores, indústrias de base florestal e produtores de madeira a maximizar o retorno sobre os investimentos, aumentando a previsibilidade dos estoques atuais e futuros, reduzindo os custos de monitoramento e otimizando as recomendações de manejo para aumentar a performance dos plantios.

COMO:

– A metodologia GPT integra dados, ferramentas analíticas e tecnologia florestal para gerar indicadores confiáveis e estabelecer ações direcionadas de melhoria, visando ganhos em produtividade. Assim, é possível identificar e quantificar os impactos climáticos na produção de madeira e as oportunidades como o manejo silvicultural.

PRODUTOS ENTREGÁVEIS:

As entregas são divididas em três módulos:

INVENTÁRIO FLORESTAL

– Estimativas remotas do estoque de madeira por talhão com atualizações trimestrais.

QUALIDADE E PRODUTIVIDADE

– Mapeamento da capacidade produtiva das unidades de produção;

– Quantificação dos gaps de produtividade;

– Estratégia para melhoria do manejo silvicultural.

GESTÃO DE RISCOS

– Quantificação dos riscos de produção associados à produtividade.

OPORTUNIDADES E GANHOS:

INVENTÁRIO FLORESTAL

– Menor custo operacional e maior agilidade na aquisição de dados do inventário florestal;

– Melhoria da resolução espacial e temporal das estimativas de produção;

– Acurácia e precisão na determinação dos estoques de madeira.

QUALIDADE E PRODUTIVIDADE

– Maximização do potencial produtivo pela redução nas perdas de produtividade;

– Priorização em ações de manejo para recuperação de produtividade.

GESTÃO DE RISCOS

– Vantagem competitiva na negociação de contratos (expansão de ativos e compras de madeira);

– Maior transparência para estimativa do retorno sobre o investimento em estudos de viabilidade.

Plataforma de qualidade dos plantios florestais.

EMPRESA PARCEIRA:

Spectrum Inteligência Espacial.

O QUE A PLATAFORMA FAZ:

– Diagnóstico de sanidade de plantios florestais;

– Contagem de plantas por meio de imagens de drones e utilização de algoritmos específicos – plantas vivas e mortas em área total;

– Índice de homogeneidade – Pvar50;

– Identificação de mato competição – identificação de ervas daninhas na linha e entrelinha de plantios florestais.

Ferramenta em SIG para otimização do baldeio florestal e da alocação de módulos de colheita.

O QUE A PLATAFORMA FAZ:

– Apoia o planejamento e a tomada de decisões operacionais de extração/baldeio de madeira e locação de módulo de colheita, com base em análises quantitativas com indicadores operacionais e de custo. Gera cenários e realiza otimização de alocação de pilhas de madeira na escala do talhão e dos módulos nas frentes de colheita, de modo a reduzir o custo de extração e da colheita.

COMO:

A ferramenta integra-se aos processos de microplanejamento em SIG das empresas, trazendo:

– Soluções otimizadas em relação a quantidade e localização de pilhas de madeira;

– Indicadores de distância de extração/baldeio de madeira por posição da madeira no talhão e médias do talhão e projeto;

– Simulação rápida de cenários, atendendo a diferentes premissas operacionais para planejamento;

– Indicação de áreas de serviço, permitindo embarcar a informação e orientar a operação para trafegar na menor distância possível.

PRODUTOS ENTREGÁVEIS:

– Implantação da ferramenta para uso da empresa; e

– Treinamento das equipes.

OPORTUNIDADES DE GANHO:

– Redução de custo com otimização do caminhamento de máquinas na extração/baldeio de madeira no talhão e deslocamento de máquinas até os módulos;

– Maior agilidade para as equipes de microplanejamento e operacionais gerarem informação e tomarem decisões.

Simulador de transporte florestal.

O QUE A PLATAFORMA FAZ:

– Apoia o planejamento e a tomada de decisões operacionais do transporte de madeira, comparando diversos modelos de caminhões e condições operacionais.